Militares são carbonizados após visita a casa de prostituição no RJ

O reconhecimento dos corpos só foi possível graças a exames de DNA

Foto: ReproduçãoOs militares Júlio César Mikaloske e Sidiney Lins dos Santos, assassinados no RJ
Os militares Júlio César Mikaloske e Sidiney Lins dos Santos, assassinados no RJ

O sargento do Exército Julio Cesar Mikaloski e o sargento da Marinha Sidiney Lins dos Santos Junior foram localizados com seus corpos carbonizados dentro de um carro em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, no Rio de Janeiro.

Eles assistiram ao penúltimo jogo da seleção brasileira, na sexta-feira, contra Camarões e, embriagados, foram a uma casa de prostituição em São Pedro da Aldeia.

A policia ainda investiga as causas e a autoria do crime, mas há claros indícios de tortura, uma vez que os corpos de ambos foram encontrados carbonizados no porta-malas do Honda Civic que dirigiam.

O reconhecimento dos corpos só foi possível graças a exames de DNA.

Com informações do Dcm

ÚLTIMAS NOTÍCIAS