Vídeo: mulher ofende atendente negro e pede socorro ao ser presa

Nas imagens, a acusada entra em um estabelecimento gaúcho e dispara contra o funcionário: "Eu sou branca, e ele é negão"

Foto: ReproduçãoMulher ofende atendente negro e pede socorro ao ser presa
Mulher ofende atendente negro e pede socorro ao ser presa

Uma mulher de 58 anos foi presa em flagrante, na última sexta-feira (2/12), depois de atacar um funcionário negro com falas racistas em um bar de Santa Cruz do Sul (RS). Durante o momento da prisão, a acusada ainda pediu socorro a quem observava a cena.
Vídeos das câmeras de segurança mostram o momento em que a mulher entra no estabelecimento e conversa com um dos funcionários. Em determinado momento, ela se dirige à vítima e começa a incomodá-la. Depois, faz os ataques racistas e ainda declara: “Eu sou branca, e ele é negão”.

Mulher racista pede socorro ao ser presa

Uma pessoa que estava do lado de fora do estabelecimento filmou o momento em que a polícia levou a mulher algemada.

“Socorro, estou sendo presa, socorro!”, gritava ao ser presa. Enquanto isso, pessoas que estavam presentes comemoraram batendo palmas. “É isso aí! Racista! Nojenta”.

Prisão em flagrante

A BM (Brigada Militar) fez a prisão em flagrante da mulher após ser acionada pelo 190. Ao chegarem no bar, os policiais ainda presenciaram a mulher sendo racista com o funcionário.

Conforme os policiais, ela apresentava sinais de embriaguez. “Ela estava muito alterada. Quando se recusaram a servir bebida, ela começou a ofender esse moço, que é negro e trabalha no local”, contou uma testemunha.

O BHAZ entrou em contato com a Polícia Civil do Rio Grande do Sul para saber sobre a investigação do caso, porém não obteve respostas. Tão logo a corporação se pronuncie, esta matéria será atualizada.

Bar se solidariza com funcionário

O Bar Santomé se pronunciou a respeito do racismo sofrido pelo funcionário. “Nós do Bar Santomé viemos aqui prestar a nossa solidariedade ao funcionário Renato Santos (Renatinho) que hoje foi ofendido com injúrias raciais!!! Aqui quem é racista não é bem-vindo!!! É incrível que ainda temos que passar por isso!!!!”.

Mulher ameaça a vítima

Renato Santos, vítima do racismo, publicou um vídeo indo para a delegacia junto com a mulher. Mesmo presa, é possível ver, no registro, que ela continuou proferindo xingamentos contra Renato e o ameaça. Ele permaneceu calado.

“Alguém vai mudar sua cor? Não vai mudar nem a tua e nem a minha, diabo!”, gritou a mulher. “Você vai ver se eu não te mato, desgraçado. Tu não me acusou de ser racista? Tu acha que ser preto é bom?”, questionou. Confira:

Com informações do Bhaz

ÚLTIMAS NOTÍCIAS