Presidente da Câmara de Caxias morre em grave acidente na BR-316

O assessor político Sinésio Aquino, marido da vereadora Cíntia Lucena, também faleceu no trágico acidente ocorrido nesta quarta-feira

Foto: Montagem Pensar PiauíVereador Teódulo Aragão, de 44 anos
Vereador Teódulo Aragão, de 44 anos

O presidente da Câmara Municipal de Caxias, vereador Teódulo Aragão, de 44 anos, morreu nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 7, após grave acidente na BR-316, sentido Teresina. Junto com ele estava o assessor político Sinésio Aquino, marido da vereadora Cíntia Lucena, que também faleceu no trágico acidente.

Ao Meionorte.com, o Major Soares Júnior, declarou que o acidente ocorreu por volta das 6 horas da manhã,  na altura do Distrito Industrial de Caxias. Os corpos chegaram a ser arremessados para fora do veículo em que estavam.

"O acidente ocorreu  próximo do Parque Empresarial de Caxias e segundo informações preliminares, o vereador saiu de Caxias  na companhia do Sinésio e estavam em sentido a Teresina, quando  ele se descuidou do volante , bateu em uma árvore e os dois sacaram para fora do veículo, indo a óbito no local", afirmou.

Em 2020, Teódulo Aragão, foi o vereador mais votado nas eleições para o legislativo municipal sendo consagrado nas urnas com 3.074 votos, o correspondente a 3,77%. Além da maior votação, logo em seguida foi eleito Presidente da Câmara Municipal, onde vinha desenvolvendo um trabalho de aproximação das ações do legislativo perante a população caxiense. 

Contador de formação, Teódulo Aragão, atuou como coordenador de saúde no começo da gestão do Prefeito Fábio Gentil, em Caxias (MA), antes de ser eleito vereador. 

O perfil do vereador no Instagram publicou um vídeo confirmando a morte do parlamentar. Nos comentários, centenas de seguidores lamentaram o falecimento de Teódulo.  As informações sobre velório e o sepultamento ainda não foram divulgadas.

Com informações do Meio Norte

ÚLTIMAS NOTÍCIAS