Pensar Piauí

Dono da Choquei presta depoimento à Polícia Civil sobre morte de Jéssica

A Choquei perdeu mais de 1 milhão de seguidores após o caso e foi fortemente criticada nas redes pela fake news.

Foto: ReproduçãoRaphael Souza e Jéssica Canedo
Raphael Souza e Jéssica Canedo

A página de fofocas Choquei, uma das responsáveis por espalhar a fake news que causou a morte de Jéssica Vitória Canedo, afirmou que Raphael Souza, proprietário do perfil, prestou depoimento à Polícia Civil sobre o caso.

Segundo nota divulgada pelo perfil, os prints falsos de Jéssica com o humorista Whindersson Nunes foram publicados originalmente por outra página e republicadas posteriormente pela Choquei. O comunicado ainda relata que Raphael entregou provas disso à polícia.

A página ainda alega que suspendeu as publicações após o caso “em sinal de respeito pelo trágico acontecimento”. A Choquei perdeu mais de 1 milhão de seguidores após o caso e foi fortemente criticada nas redes pela fake news.

Raphael, que zombou da vítima após ela desmentir os prints, teve que fechar seu perfil pessoal no Instagram para evitar críticas. Por isso, a Choquei diz que “reavalia” os métodos da página para evitar que novas mentiras sejam publicadas.

Leia a nota da Choquei na íntegra:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS