Show da Resistência: para barrar violações, defender a vida e perguntar: Lagoas do Norte para quem?

Moradores do Lagoas contra a remoção, a desapropriação de suas casas, expropriação de suas vidas, sua arte e sua cultura

Foto: OcorreDiárioArtistas perguntam: Lagoas do Norte para quem?
Artistas perguntam: Lagoas do Norte para quem?

Fonte: OcorreDiário

Acontece nesta sexta-feira, 1° de novembro, o Show da Resistência, abrindo o mês da consciência negra. O evento tem como objetivo levantar as questões sobre as violações de direito à cidade para a construção do Programa Lagoas do Norte, que ao longo de uma década vem desalojando famílias, reconfigurando espaços e isolando a população nativa da Zona da Norte da capital teresinense. 

O evento está diverso e recheado de uma pluralidade musical e artística. Vai ter as manas e os manos do Rap mandando a letra com Raporelas e Reação do Gueto. Para quem gosta do estilo quente, efervescente e nordestinamente vai rolar o som do Severo, Valor de PI e Caju Pinga Fogo, afirmando e reafirmando o som autoral e potente. Para a nação regueira, a forte voz de James Brito vai fazer presença neste palco. A cadência de Esther Lima também trará a força da resistência para esse show imperdível. 

Mas não vai ter só música. Para quem gosta de curtir e apreciar uma boa performance de dança, vai se deliciar com a dança afro do Grupo Cultural Afoxá. E a marca indiscutível do Bumba meu boi, é claro que não poderia faltar, afinal de contas a Zona Norte de Teresina é berço da capital e é também um baú cultural que deve ser respeitado e não desapropriado. O Bumba meu Boi , Touro da Ilha vai representar neste palco de resistências.  E ainda vai ter Tambor de Crioula Mangacrioula para energizar essa roda. 

Vai ter muita arte e resistência, para perguntar bem alto “Lagoas do Norte pra quem?”. No evento, os moradores da região das lagoas vão participar dando seu depoimento e afirmando para a população as suas lutas contra a remoção, a desapropriação de suas casas. A população tem lutado também  contra a demolição de suas casas, a expropriação de suas vidas, sua arte e sua cultura por parte deste programa que se diz de urbanização. 

O Show da resistência é uma iniciativa do Centro de Defesa Ferreira de Sousa, aliado apara barrar violações e defender a vidapara barrar violações e defender a vida diversos artistas e movimentos sociais para barrar violações e defender a vida. 

Foto: OcorreDiárioProgramação do Show
Programação do Show

Foto: OcorreDiárioArtistas perguntam: Lagoas do Norte para quem?
Artistas perguntam: Lagoas do Norte para quem?

Noutras oportunidades, este tema, já esteve presente no pensarpiaui:

Luzia Amélia: o Lagoas do Norte é ridículo...o Firmino é sensível, mas não é bonzinho

Revista destaca caso 'Lagoas do Norte' em Teresina e trabalho do jornalista Maurício Pokemon

Com cerca de 30 casas demolidas, Teresina aniversaria: Lagoas do Norte ou Palha de Arroz

Lagoas do Norte: depois das benfeitorias, a expulsão de quem lá vivia

O jornalista Oscar de Barros, quando atuou no 180graus, já tratava do assunto:

Moradores da zona norte dizem que falta dialogo com a prefeitura de Teresina sobre o Lagoas do Norte