Promotor Eliardo Cabral morre de Covid-19

Eliardo Cabral foi um dos promotores do MPPI do caso Fernanda Lages

Foto: Acesse PiauíPromotor de Justiça Eliardo Cabral
Promotor de Justiça Eliardo Cabral

O promotor de Justiça aposentado do Ministério Público do Piauí, Eliardo Cabral, morreu nesta segunda-feira (1), na Unidade de Pronto Atendimento Satélite, zona Leste de Teresina, vítima de complicações da Covid-19. 

De acordo com a direção da UPA, o promotor chegou em ambulância do Samu hoje pela manhã e estava com diagnóstico de Covid-19.

O promotor ganhou notoriedade com os casos sobre o crime organizado, que culminou na prisão do ex-coronel José Viriato Correia Lima e o caso da estudante Fernanda Lages.

Eliardo Cabral ficou conhecido em todo o estado com suas entrevistas e posicionamentos polêmicos. Após a investigação da morte de Fernanda Lages, que não acreditava na tese do suicídio, o promotor se aposentou de suas funções.

Atualmente, ele celebrava cultos, já que era pastor da igreja evangélica.

Os familiares estão providenciando o sepultamento. 

Com informações do Cidade Verde