INSS libera consulta ao 13º salário antecipado. Veja calendário

Primeira parcela começará a ser paga no dia 25 de abril, com o pagamento do benefício regular do mês

Foto: DivulgaçãoINSS (Previdência Social)
INSS (Previdência Social)

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) libera nesta sexta-feira (15/4) a consulta à primeira parcela do 13º salário de aposentados e pensionistas. Segundo o órgão, 31 milhões de beneficiários receberão, neste mês, a primeira parcela do 13º, o equivalente a R$ 25,3 bilhões. A antecipação será creditada com os benefícios regulares, a partir do próximo dia 25 de abril.

Tradicionalmente, aposentados e pensionistas recebem o 13º salário nos meses de de agosto e dezembro. A antecipação de benefício é feita pelo terceiro ano consecutivo. A medida foi determinada pelo decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU), em 18 de fevereiro, que estabelece que o pagamento será feito em duas parcelas.

Cerca de 30,5 milhões de beneficiários do INSS serão contemplados com a antecipação do 13º salário em todo o Brasil. Segundo o Governo Federal, a medida vai injetar cerca de R$ 56,7 bilhões na economia.

Nesta primeira parcela, é descontado o Imposto de Renda proporcional.

A primeira parcela, que correspondente a 50% do valor do benefício, será paga entre 25 de abril e 6 de maio. Já a segunda parcela será paga entre 25 de maio e 7 de junho.

Veja o calendário:

1ª Parcela

Para quem ganha um salário mínimo (R$ 1.212):

NIS final 1: 25 de abril

NIS final 2: 26 de abril

NIS final 3: 27 de abril

NIS final 4: 28 de abril

NIS final 5: 29 de abril

NIS final 6: 2 de maio

NIS final 7: 3 de maio

NIS final 8: 4 de maio

NIS final 9: 5 de maio

NIS final 0: 6 de maio

Para quem ganha mais de um salário mínimo:

NIS final 1 e 6: 2 de maio

NIS final 2 e 7: 3 de maio

NIS final 3 e 8: 4 de maio

NIS final 4 e 9: 5 de maio

NIS final 5 e 0: 6 de maio

2ª parcela

Para quem ganha um salário mínimo (R$ 1.212):

NIS final 1: 25 de maio

NIS final 2: 26 de maio

NIS final 3: 27 de maio

NIS final 4: 30 de maio

NIS final 5: 31 de maio

NIS final 6: 1º de junho

NIS final 7: 2 de junho

NIS final 8: 3 de junho

NIS final 9: 6 de junho

NIS final 0: 7 de junho

Para quem ganha mais de um salário mínimo:

NIS final 1 e 6: 1º de junho

NIS final 2 e 7: 2 de junho

NIS final 3 e 8: 3 de junho

NIS final 4 e 9: 6 de junho

NIS final 5 e 0: 7 de junho

Quem pode receber?

Por lei, tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu benefício previdenciário de aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente ou auxílio-reclusão.

Na hipótese de cessação programada do benefício, prevista antes de 31 de dezembro de 2021, será pago o valor proporcional do abono anual ao beneficiário.

Aqueles que recebem benefícios assistenciais (Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social – BPC/LOAS e Renda Mensal Vitalícia – RMV) não têm direito ao abono anual.

Como consultar

Existem três meios para consultar os benefícios do INSS: por telefone, por site ou por aplicativo:

1 - Por telefone, a consulta pode ser feita pela central de atendimento, no número 135. É preciso informar o número do CPF e confirmar informações cadastrais. Em seguida, deve ser informado qual benefício se quer informações. O atendimento está disponível de segunda a sábado, das 7h às 22h.

2 - Pelo site, no endereço Meu INSS. Após o login, clique no serviço de “Extrato de Pagamento” para acessar seu extrato e todos os detalhes sobre o pagamento do benefício.

3 - Pelo aplicativo, a consulta do benefício também pode ser feita pelo aplicativo Meu INSS, disponível para Android e iOS. Assim como no site, é necessário fazer o login no app. Lá, todos os serviços disponíveis e histórico das informações do beneficiário serão listados.