Evento celebra Consciência Negra com palestras de pesquisadores nacionais em Teresina

Simpósio Da Escravidão à Contemporaneidade acontecerá nos dias 20 e 21 de novembro, no auditório da OAB e toda a sociedade pode participar

Foto: Arquivo pessoalSeminário começa amanhã
Seminário começa amanhã

Dentre as festividades e ações programadas para o mês da Consciência Negra em Teresina, o calendário cultural deste mês conta com o I Simpósio Da Escravidão à Contemporaneidade: reflexões sobre a trajetória dos negros e seus descendentes no Brasil. 

O evento acontecerá nos dias 20 e 21 de novembro, quarta e quinta-feira, respectivamente, no auditório da OAB-PI, Centro da capital, contará com oito palestrantes e os participantes terão direito a certificado de 30h/aula.

Entre os conferencistas nomes como Beatriz Gallotti Mamigonian, doutora em História pela University of Waterloo, do Canadá; e Eduardo França Paiva, professor titular do departamento de História da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

“Estarei nos dias 20 e 21 de novembro em Teresina para falar de reflexões sobre as trajetórias de negros e seus descendentes no Brasil”, disse em vídeo o professor mineiro.

Nomes importantes do Piauí, reconhecidos por pesquisas e artigos acadêmicos também vão engrandecer as discussões durante o Simpósio, entre os quais Francisca Raquel da Costa, Túlio Henrique Pereira, Johny Santana de Araújo, Talyta Marjorie Lira Sousa, Ferdinand Almeida de Moura Filho e Rodrigo Caetano Silva.

DAS PALESTRAS

Na quarta-feira, a partir das 19h, o professor Eduardo Paiva vai falar sobre as trajetórias e autobiografias de negras nas Minas Gerais do século XVIII.

Já na quinta-feira, a partir das 9h, o evento segue com palestra de  Francisca Raquel da Costa que terá uma mesa sobre Escravidão e Liberdade no Piauí oitocentista; Já Johny Santana trará uma abordagem sobre a vivência dos negros piauienses no Exército Brasileiro durante a guerra da Tríplice Aliança; Ferdinand Almeida falará sobre Escravidão e Inquisição no Piauí colonial; Talyta Lira fará análises de como a imprensa local repercutia a escravidão no Piauí; Rodrigo Caetano vai propor debate sobre o processo de abolição da instituição escravista; Túlio Henrique vai conversar a respeito do escravagismo e visualidade afro-brasileiras e africanas; finalizando o evento, Beatriz Mamigonian trará uma abordagem comparativa entre a escravidão moderna e a contemporânea.

INSCRIÇÕES

Qualquer pessoa pode participar do evento. As inscrições para participar do simpósio podem ser feitas pelo site da OAB, por meio do link: www.oabpi.org.br/portaldoaluno. Em casos de dúvidas, o interessado deve entrar em contato com a organização do fórum através dos contatos: (86) 2107-5823/2107-5828.

CREDENCIAMENTO

O credenciamento para o Simpósio ocorrerá nesta quarta-feira, de 15h às 18h, no site ou na sede da OAB-PI.