Esposa de desembargador é assaltada e magistrado desabafa

Luiz Gonzaga Brandão pede que seus pares fechem as liberações de habeas corpus

pensarpiauí está fazendo a Retrospectiva 2020. Vamos rever importantes entrevistas realizadas no ano. E as matérias de maior audiência. 

Em 31 de outubro noticiamos que a esposa do desembargador do Tribunal de Justiça do Piauí Luiz Gonzaga Brandão de Carvalho foi assaltada ficando sob a mira de um revólver por alguns instantes. Maria Zilda Brandão, 62 anos, teve seu carro levado, com vários pertences em  frente a uma lavandeira situada na zona leste de Teresina.

Veja a matéria:

A esposa do desembargador do Tribunal de Justiça do Piauí Luiz Gonzaga Brandão de Carvalho foi assaltada ficando sob a mira de um revólver por alguns instantes. Maria Zilda Brandão, 62 anos, teve seu carro levado, com vários pertences em  frente a uma lavandeira situada na zona leste de Teresina.

Ao estacionar o carro, Maria Zilda foi abordada por dois homens que se aproximaram dela com uma moto. Eles anunciaram o assalto e levaram o carro dela, um Fiat Toro, de cor branca, com placa QRZ-1A37.

Ao Portal Pauta Judicial o desembagador Luiz Gonzaga Brandão fez um apelo a todos os magistrados: “Conclamo aqui a todos que fechem as portas da liberação para habeas corpus  de bandidos perigosos que atacam a dignidade humana e o patrimônio e a vida alheia. Brandão também apelou à Secretaria de Segurança: “Faço aqui um apelo aos responsáveis por essa pasta que tanto a população clama, coloquem viaturas nas ruas, coloquem um policiamento ostensivo, o povo não suporta mais tamanho descaso com nossa segurança”.

Foto: Trânsito e MetrôLuiz Gonzaga Brandão de Carvalho
Luiz Gonzaga Brandão de Carvalho