Campo Maior: Morre o museólogo Zé Didôr

Conhecido nacionalmente por armazenar um grande acervo de peças que contam a história do Piauí

Foto: DivulgaçãoZé Dicor
Zé Didôr

 

DiáriodeCampoMaior - Faleceu na manhã deste sábado (24) Zé Didôr, 76 anos vítima de um infarto em sua residência, no centro de Campo Maior (PI). 

Segundo informações, Zé Didôr esteve cedo, ainda na manhã deste sábado, no Mercado Central e havia retornado para casa dizendo que ia tomar o café da manhã e os remédios.

Logo em seguida foi encontrado morto por familiares em um dos cômodos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU chegou a ser acionado, mas já encontrou Zé Didor morto, constatando que foi infarto fulminante.

José Cardoso da Silva Neto era fundador e presidente da fundação Zé Didor. Conhecido nacionalmente por armazenar um grande acervo de peças que contam a história do Piauí, principalmente de Campo Maior, já foi matéria do Fantástico, programa da TV Globo. Zé Didor tinha 76 anos. Ele deixa 4 filhos e a esposa.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS