Professor do IFPI/Floriano

André Luiz

Professor do IFPI/Floriano

Lula, o Encélado que pôs de joelhos a elite brasileira

Foto: Rede Brasil AtualLula
Lula

 

Olá, caro leitor! Em nosso artigo de hoje iremos refletir um pouco sobre aspectos não abordados referentes ao grande fato político de 2021: a retomada dos direitos políticos de Lula, para tanto buscamos fazer uma alusão a um grande personagem da mitologia grega: o Gigante.

Uma construção simbólica importante dos Gigantes vem da mitologia grega, que os definia como filhos de Gaia (personificação da Terra) e seres pertencentes a raças com uma força descomunal, que, muito embora divirja do que o nome sugere, nem sempre eram grandes de estatura, entretanto eram conhecidos assim por seu grande poder, principalmente nas batalhas.

Nesse texto, faço uma analogia entre Lula e Encélado, pois este foi um gigante criado para se opor a Atena, a deusa da sabedoria, e consequentemente tinha como principal caraterística ser bem inteligente. Ele era um dos quatro gigantes nascidos de Gaia, conhecido como o gigante do fogo. Dessa maneira, Lula é nosso Encélado por sua grande inteligência e principalmente porque ninguém mais do que Luís Inácio melhor representa o vermelho (fogo).

Não tenham dúvida, Lula será candidato. Lula será candidato porque os grandes grupos empresariais precisam de alguém capaz de passar segurança e tranquilidade para os investidores externos. Lula será candidato porque os grandes empresários do Agronegócio precisão de um BNDES pujante e capaz de financiar grandes projetos, precisam de uma política externa que não se ajoelhe aos EUA e a União Europeia buscando parcerias estratégicas para nossas comodites.

Lula será candidato porque a classe média e classe média alta perdeu poder de compra, viu seus salários corroerem e se quer consegue ter segurança para trocar seu veículo por uma versão nova. Lula será candidato porque a grande mídia precisa destruir o mostro que ela mesmo inventou. E não será fácil, pois este monstro foi forjado daquilo que de mais espúrio tem a sociedade escravocrata brasileira: racismo, ignorância, homofobia, truculência e misoginia. Mas que bom podermos ter um grande Encélado, baixinho, de cabeça chata e com os cabelos prateados, um filho de Gaia capaz de vencer essa difícil batalha em 2022.

Em meio a esse preocupante momento, eis que vivenciamos o começo da reconstrução de um projeto nacional capaz de encher de esperança os trabalhadores, o povo mais humilde, as Universidades e Institutos Federais, os Correios, o Banco do Brasil e a Caixa, a Ciência e Tecnologia, o SUS e etc.

Enfim, Lula será candidato, não por que o povo pobre brasileiro quer (porque este quis em 2018), mas sim porque, atualmente, é o único capaz de desconstruir o monstruoso projeto de destruição da soberania nacional. Nesse momento é a elite nacional que precisa respirar, por isso, se põe de joelhos ao nosso Encélado Luís Inácio Lula da Silva.

OBS: Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do pensarpiaui.