Educação

Lula anuncia PAC de R$ 5,5 bi para universidades e institutos federais

Segundo governo federal, investimento será dividido em consolidação, expansão e para melhorias nos hospitais universitários


Lula anuncia PAC de R$ 5,5 bi para universidades e institutos federais
Lula

Após reunião com reitores das universidades e institutos federais (IFs), o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) anunciou R$ 5,5 bilhões em investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para universidades e hospitais universitários.

O encontro, nesta segunda-feira (10/6) no Palácio do Planalto, ocorre em meio à greve dos professores universitários, com mais de 50 dias, e dos técnicos-administrativos, que beira 90 dias. O ministro da Educação, Camilo Santana, fez o anúncio ao lado de Lula.

O investimento será dividido desta forma:

  • R$ 3,7 bilhões em consolidação;
  • R$ 1,75 bilhões em hospitais universitários;
  • R$ 600 milhões em expansão.


Para a consolidação, o governo federal prevê 338 pelo Brasil e com o custo de R$ 3,171 milhões. Foram anunciados ainda 10 novos campi estudantis, em cinco regiões. Já para a área da saúde, serão 37 obras em 31 hospitais para ensino e atendimento à população.

Segundo Santana, o objetivo da conversa com os reitores era ouvir as principais demandas deles, para “consolidar os câmpus existentes, que não tinham prédio, restaurante universitário, laboratório”.

A expectativa era de anúncios para pôr fim às paralisações, justamente com promessa de investimento pelo PAC. As principais demandas dos grevistas são melhores salários, reestruturação de carreiras e mais projetos para as instituições.

Estão presentes os ministros Esther Dweck (Gestão), Luciana Santos (Ciência, Tecnologia e Inovação), e Rui Costa (Casa Civil).

Deixe sua opinião: