Subtenente da PM é morto por assaltantes em Teresina

Luiz Celso estava indo para o trabalho, no 9º BPM, quando foi surpreendido pelos assaltantes

Foto: ReproduçãoPolicial Militar Luiz Celso
Policial Militar Luiz Celso, de 52 anos 

O subtenente da Polícia Militar, Luiz Celso, teve sua vida ceifada por criminosos no bairro Nova Brasília, Zona Norte de Teresina, na noite dessa quinta-feira (18). O policial foi vítima de latrocínio, onde roubaram sua pistola, moto e o mataram com uma arma de fogo.

A esposa do subtenente presenciou o assassinato. Os dois estavam em uma motocicleta quando foram abordados pelos suspeitos.

De acordo com a Polícia Militar, o casal foi abordado e, na tentativa de assalto, o subtenente acabou reagindo levando a uma ação imediata dos dois criminosos. A esposa do PM conseguiu fugir, mas o marido foi alvejado com dois tiros no tórax e pescoço.

Em vídeos feito por populares, é possível ver a esposa desesperada quando se deparada com o corpo do subtenente no chão. Ainda de acordo com os policiais, Celso estava indo para o trabalho, no 9º BPM, quando foi surpreendido pelos assaltantes.


O subtenente deve ser sepultado no município de Pau D' arco (a 72 km de Teresina), sua terra natal. 

Por meio de nota, o comando geral da Polícia Militar lamentou o falecimento: 

É com imenso pesar que a Polícia Militar do Piauí comunica o falecimento do Subtenente PM Luiz Celso da Costa Ferreira Neto, 52 anos, lotado no 9° BPM, ocorrido na noite de ontem (18), em Teresina-PI. O Plantão de Assistência Funerária do CAIS, Centro de Assistência Integral à Saúde da PMPI, acompanha os familiares. O Comando-Geral da PMPI e toda família policial militar prestam solidariedade aos familiares e amigos, ao tempo em que rogam para que Deus conforte seus corações diante de irreparável perda.
 

Com informações do 180graus 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS