"Setut manda na prefeitura e ela não exerce seu poder" - diz Laurentino

Ele afirmou ainda que foi Kleber Montezuma quem acabou com os escolões

Foto: You TubePedro Laurentino
Pedro Laurentino

Pedro Laurentino é pré-candidato a prefeito de Teresina pela UP - Unidade Popular. E vem para a candidatura com um discurso à moda antiga. Ele não quer saber de falar de gerencia da coisa pública. Sua primeira ação como prefeito de Teresina, se eleito, é estabelecer a democracia direta. Fala de IPTU progressivo e de desapropriação de imóveis que estejam servido à especulação imobiliária. 

Ele quer transformar Teresina numa "cidadela socialista", sabendo que a cidade estará cercada de capitalismo.

A Unidade Popular é um partido novo e a candidatura de Laurentino deve ter o apoio do PCB e do PSOL. Pedro Laurentino adianta que "não aceitará dinheiro de empresário". Ele não poupou críticas a partidos de esquerda e nem mesmo a aliados. Segundo ele, o PT se afastou das ruas e tem uma equivocada política de alianças. O aliado PSOL, segundo Pedro é muito institucional e acadêmico. 

Para a educação ele propoe escolas nos moldes dos CIEPS de Leonel Brizola e Darcy Ribeiro e é categórico: "Kleber Montezuma foi quem acabou com os escolões criados por Wall Ferraz". Acompanhe a entrevista completa.

  Conheça um pouco da biografia de Pedro Laurentino aqui: Pedro Laurentino: pré-candidato da UP a prefeito de Teresina