Pensar Piauí

PF faz operação contra bolsonarista que convocou “vaquinha” para assassinar Lula

Na ocasião, ele incitou o assassinato do presidente ao comentar uma notícia compartilhada pelo deputado Nikolas Ferreira (PL-MG).

Foto: ReproduçãoLula e o bolsonarista André Luiz, que propôs assassinar o petista.
Lula e o bolsonarista André Luiz, que propôs assassinar o petista.

André Luiz, bolsonarista que sugeriu uma “vaquinha” para pagar um mercenário e assassinar o presidente Lula nas redes sociais, foi alvo da Polícia Federal nesta terça (6). Agentes deflagraram a Operação Eco, que investiga a prática de ameaça e incitação ao crime contra o petista.

A Delegacia de Crimes Fazendários (Delefaz) foi a responsável pela operação e cumpriu ordens judiciais expedidas pelo Juízo da 1ª Vara Federal de Linhares (ES). O celular e o computador do investigado foram apreendidos em sua casa na cidade de Aracruz (ES).

Foto: ReproduçãoPolícia Federal apreendeu celular e computador de bolsonarista que sugeriu “vaquinha” para assassinar
Polícia Federal apreendeu celular e computador de bolsonarista que sugeriu “vaquinha” para assassinar

Na ocasião, ele incitou o assassinato do presidente ao comentar uma notícia compartilhada pelo deputado Nikolas Ferreira (PL-MG).

“Precisamos fazer uma vaquinha para pagar um mercenário com um rifle de precisão”, escreveu o bolsonarista. Logo depois, o então secretário-executivo do Ministério da Justiça, Ricardo Cappelli, afirmou que enviaria um ofício à PF para investigar a ameaça ao petista.

Veja mais em:

Bolsonarista convoca "vaquinha" para matar presidente Lula

Com informações do DCM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS