CNN: Bolsonaro terá um megafone norte-americano para "c g r" pela boca

A emissora aportou no Brasil e promete turbinar a guerra híbrida

Foto: You TubeA nova emissora é mais uma bolsonarista
A nova emissora é mais uma bolsonarista

Por Malu Aires, no facebook 

A CNN aportou no Brasil e promete turbinar a guerra híbrida.

Com selo importado, Bolsonaro terá um megafone norte-americano para cagar pela boca.

Ao agradecer ao repórter e à emissora que não tem medo de pegar doença dele, vai cagar dia sim e dia não também.

Amores, estamos numa guerra. Desde o advento da TV, os inimigos roubaram nossas antenas.

Isso só vai mudar, quando o povo brasileiro entender que comunicação é assunto de segurança nacional, não brinquedinho de calhordas.

Estatização completa e irrestrita dos meios, não vai fazer ninguém ficar sem novela. Aliás, daria espaço para todo profissional de artes cênicas participar de uma. Daria espaço para todo artista mostrar seu talento, todo jornalista ter emprego. Além disso, ainda dá a chance das pessoas não envelhecerem com as mesmas e mesmas caras de pau na tela.

Minha avó envelheceu com Cid Moreira, minha mãe com Sérgio Chapelin e eu com William Bonner? Não, não mereço.

A comunicação deve servir ao direito de informação, cultura, educação e conhecimento. Deixamos horários de grande concentração de atenção das massas, nas mãos de mentirosos, vendedores de porqueiras e gente que propaga burrice.

Fora o desserviço de interesse público, quando propagam preconceitos dos mais baixos do mercado de almas penadas.

Do capital, toda iniciativa é só uma privada suja.

O lucro é feito de mentiras. Se o mundo fosse informado, não teria caído no golpe que caiu nesse milênio.