Ator da Globo preso por pornografia infantil diz que imagens eram para “consultas e estudos”

Aos 72 anos, o artista, que apareceu em diversos filmes e telenovelas, também foi acusado de pedofilia

Foto: ReproduçãoO ator da Globo, José Dumont, preso por armazenar pornografia infantil
O ator da Globo, José Dumont, preso por armazenar pornografia infantil

Após ser preso nesta quinta-feira (15) por armazenar pornografia infantil, o ator da Globo José Dumont prestou depoimento para a polícia. Em depoimento, ele afirmou para os policiais que as imagens eram destinadas a “consultas e estudos”.

Aos 72 anos, o artista, que apareceu em diversos filmes e telenovelas, também foi acusado de pedofilia. A denúncia foi feita por vizinhos e, segundo a investigação, câmeras de segurança do condomínio onde ele mora flagraram o ator cometendo abusos contra um adolescente.

Ele confirmou ser dono das imagens e disse que as conseguiu na internet, negando ter filmado ou fotografado menores em contexto pornográfico. De acordo com o jornal O Globo, o artista disse que as mídias faziam parte de um “estudo para a futura realização de um trabalho acerca do tema, sem tabus ou filtros”.

“Apenas para consultas e estudos”, alegou Dumont.

A polícia informou que, durante as buscas, conteúdos de sexo envolvendo crianças foram encontrados no computador pessoal e no celular do investigado, o que levou à prisão em flagrante. Também foi autorizada pela Justiça a quebra de sigilo de dados do ator.

Quando foi detido, o artista foi encaminhado até a sede da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV), no Centro do Rio, e em seguida transferido para a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica. A investigação corre sob sigilo.

Na tarde desta sexta-feira (16), acontecerá a audiência de custódia de Dumont. O crime é previsto no Artigo 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Com informações do DCM 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS