“A direita brasileira faz chantagem para que o PT tire Lula de cena” – diz Breno Altman

Segundo Altman, diz a direita: “vocês tiram o Lula e a gente ajuda a diminuir o antipetismo”

Foto: You TubeBreno Altman
Breno Altman

O jornalista Breno Altman, editor do site OPERAMUNDI, concedeu entrevista ao pensarpiauí. Ele vem defendendo que o PT realize um Congresso Extraordinário para orientar a linha política que o partido adotará nos próximos dois anos: “Se não houver o Congresso, o debate vai acontecer de qualquer maneira, só que aí, por fora do Partido”.

Breno classificou a entrevista do ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, como lamentável. Jaques afirmou que o PT não precisava ficar refém de Lula. E Altman enfatizou: “O que a direita quer é que Lula saia de cena. Ela pressiona o PT para isso. Mandam recado: ‘vocês tiram o Lula e a gente ajuda a diminuir o antipetismo’ e alguns petistas aceitam esse jogo".

Altman também afirmou haver “uma contradição entre a linha nacional que o PT busca impulsionar e a linha política adotada por vários governadores da legenda”. No caso do Ceará, por exemplo, o atual governador Camilo Santana deverá disputar uma vaga ao senado. Mas para presidente, Camilo deverá apoiar Ciro Gomes. Breno, então, acredita que o governador cearense deixará o PT.

Breno Altman falou ainda do PCdoB e de Flávio Dino e da vitória do campo conservador.

Acompanhe a entrevista na íntegra: