Pensar Piauí

Vídeo: Papa parabeniza e manda apoio à Cozinha Solidária do MST

A cozinha tem ajudado famílias em situação de vulnerabilidade por conta da pandemia e da crise econômica

Foto: ReproduçãoPapa Francisco
Papa Francisco

 

O Papa Francisco, por meio de vídeo, parabenizou e enviou apoio ao trabalho feito pelo MST (Movimento Sem-Terra) na Cozinha Solidária juntamente com a Paróquia São Marcos, em Campinas (SP). O movimento já conta com mais de 20 cozinhas solidárias em todo o país. 

Na ação, segundo o movimento, outras entidades também fazem parte, como a Economia de Francisco e Clara, a Frente pela Vida, a Adunicamp, a CUT, Sindicato dos Petroleiros e demais organizações. São doadas aproximadamente 400 refeições. A cozinha tem ajudado famílias em situação de vulnerabilidade por conta da pandemia e da crise econômica. 

De acordo com o MST, parte dos alimentos doados, como o arroz, o feijão e alguns hortifrutis são produzidos em assentamentos de Reforma Agrária do MST.

Essa não foi a primeira vez que o pontífice falou sobre sobre ações do MST no Brasil. Em 2020, no dia da Trabalhadora e do Trabalhador Rural, em nome do Papa Francisco, o cardeal Michael Czerny, secretário do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, enviou uma carta saudando famílias Sem Terra que seguem realizando ações de solidariedade no Brasil.

“Em nome do Papa Francisco e também em meu, queremos manifestar a nossa alegria pelo gesto bonito de distribuição de alimentos que as famílias da Reforma Agrária no Brasil estão realizando nestes tempos da Covid-19. Esta pandemia traz muita dor e sofrimento em todo o mundo, sobretudo às pessoas mais pobres e excluídas. Partilhar os produtos da terra para ajudar as famílias necessitadas das periferias das cidades é um sinal do Reino de Deus que gera solidariedade e comunhão fraterna”, escreveu Czerny.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS