Piloto de aeronave que caiu em Teresina é identificado

A aeronave caiu após 20 minutos de decolagem

Foto: Redes SociaisLeandro Holfer, natural do estado do Pará
Leandro Holfer, natural do estado do Pará

Com informações do Cidade Verde

O piloto da aeronave que caiu na zona rural de Teresina foi identificado como Leandro Holfer. Natural do estado do Pará, ele era o único ocupante do monomotor e ficou totalmente carbonizado. De acordo com o tenente-coronel, Jose Veloso, diretor de Engenharia e Relações Públicas do Corpo de Bombeiros do Piauí, a decolagem ocorreu por volta de 12h50 e a queda por volta de 13h10, dessa sexta-feira (28).

A aeronave partiu do aeródromo Nossa Senhora de Fátima que fica na zona rural Leste de Teresina. Já o local do acidente fica no povoado Taboca do Pau Ferrado, zona rural de Teresina.

Sobre autorização de voo e possíveis causas do acidente, o tenente-coronel explica que a investigação fica a cargo do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos e da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). "Nosso primeiro desafio foi chegar no local. Constatamos os destroços, isolamos a área, fizemos as buscas e encontramos uma vítima carbonizada. Foi feito o combate às chamas e todo o trabalho com auxílio do Samu, polícia. Já informações sobre autorização de voo e o que causou o acidente é de competência dos outros órgãos", explica Veloso.

Os restos mortais do piloto foram levados ao Instituto Médico Legal (IML) em Teresina durante à noite de ontem (28). 

Foto: Roberta Aline- Cidade VerdeLocal do acidente
Local do acidente

Queda do avião monomotor

Por volta das 13h de ontem (28) um avião monomotor caiu em uma propriedade rural no povoado Taboca do Pau Ferrado, próximo ao Parque de Exposições Dirceu Arcoverde. 

De acordo com informações preliminares do Corpo de Bombeiros, no momento da queda, apenas o piloto, identificado como Leandro, estava no avião. O corpo dele foi encontrado carbonizado.  

O avião é da marca Bonanza e decolou do aeródromo Nossa Senhor de Fátima, que fica na região da Cacimba Velha. A aeronave é de pequeno porte e caiu em uma área de mata fechada. 

De acordo com uma funcionária do aeródromo, que preferiu não ser identificada, a aeronave estava sem manutenção e o piloto decidiu fazer a decolagem mesmo tendo ciência da situação do avião. Ele teria, inclusive, assinado um termo de responsabilidade. 

Foto: Roberta Aline- Cidade Verdexx