CPI pede condução coercitiva do empresário bolsonarista Carlos Wizard

A solicitação para a Justiça ocorre porque Wizard não respondeu à notificação para depor na semana que vem

Foto: ReproduçãoBolsonaro e Carlos Wizard
Bolsonaro e Carlos Wizard

 

A CPI da Covid decidiu pedir condução coercitiva do empresário Carlos Wizard Martins, que participou do gabinete paralelo do governo Bolsonaro, nesta quinta-feira (10). Ele foi citado pela comissão.

A solicitação para a Justiça ocorre porque Wizard não respondeu à notificação para depor na semana que vem. A informação é do vice-presidente da comissão, Randolfe Rodrigues, à jornalista Basília Rodrigues da CNN Brasil.

Basília escreveu no Twitter: