Chico Lucas diz que reforma administrativa não amplia despesas do Estado

De acordo com o coordenador de transição, a minirreforma segue o que foi preconizado no Programa de Governo

Foto: Tauany OliveiraChico Lucas
Chico Lucas

Futuro secretário de Segurança e coordenador da transição, Chico Lucas concedeu entrevista na terça-feira, 22, ao Jogo do Poder, na Rede Meio Norte; na ocasião, ele comentou sobre os ajustes administrativos em curso, anunciados pelo governador eleito Rafael Fonteles (PT), e que passarão pela Assembleia Legislativa. O gestor indicou que o foco está direcionado no ganho de eficiência sem aumento nas despesas.

No que se refere às prioridades da gestão, frisou que o Governo Rafael terá como prioridade o social, mas focando também no desenvolvimento econômico, com a geração de emprego e renda. "Queremos uma transição serena, estamos fazendo uma transição muito mais pensando no Planejamento nos próximos quatro anos. A preocupação social vai ser de fato a marca do Governo, com a geração de emprego e renda. É um povo que era invisível, tanto que nos últimos anos no Governo Bolsonaro eles sofreram muito, e aqui vamos ampliar essa atenção", disse. 

Confira:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS