Carta aberta à deputada Margarete Coelho

Carta aberta à deputada Margarete Coelho


Por Manoel Ciríaco Neto - eleitor piauiense
Carta aberta à deputada Margarete Coelho, que prefere fazer a vontade e o lucro dos banqueiros à respeitar os direitos das mulheres e do povo brasileiro
A senhora claramente se declarou inimiga das mulheres e dos trabalhadores ao defender a extinção da previdência e da aposentadoria.
Se tivesse algum pudor e algum caráter, jamais ousaria falar a expressão "em defesa dos direitos da mulher" em sua vida.


Me envergonho com a senhora, acredito que muitos outros piauienses também. Farei todo o possível pelos dias que me restarem para que todos saibam como a senhora se portou.
Pode não parecer nada hoje, mas quando o desastre se confirmar e todos perceberem que foram iludidos por gente que prefere afagos de banqueiros a defender os direitos do povo, ah! talvez nesse dia, lembrar a todos que a senhora compactuou com essa falta de respeito aos direitos do povo brasileiro, especialmente às mulheres, aí eu acredito que, nas vésperas das próximas eleições, isso fará alguma diferença...