Vídeo: PMs dão tapas, chute, soco e joelhada em rapaz negro durante abordagem no DF

Rapaz estava desarmado e não foi acusado de nenhum crime; ele é o único entre os amigos que apanha

Foto: ReproduçãoPMs batem em rapaz negro em Planaltina (DF)
PMs batem em rapaz negro em Planaltina (DF)

 

A Polícia Militar agrediu um homem negro durante abordagem em Planaltina (DF), no domingo (13/11), com tapas, soco, chute e joelhada. Os militares chegaram a jogar a vítima no chão durante os minutos de violência.

Vídeos de câmeras de segurança mostraram toda a ação. Quatro homens estão em frente a uma distribuidora de bebidas quando chegam três PMs. Todos atendem à ordem de largar as bebidas e colocar a mão na cabeça. O negro é o primeiro a ser abordado e já passa a ser vítima da truculência.

Mesmo rendido, com as mãos na cabeça, ele leva um tapa de um militar, enquanto o outro acompanha com a arma sacada. O responsável pela abordagem leva o homem para trás com um puxão e revista ele, dando mais um golpe, nos órgãos genitais do rapaz.

Nas buscas, nada é encontrado. O PM então dá um soco nas costas para jogar o homem para frente. Os outros suspeitos foram abordados de forma pacífica, enquanto o militar agressivo continua discutindo com o negro.

As agressões continuam pouco depois. O policial dá uma joelhada no mesmo homem, que continuava parado, com as mãos na cabeça, de frente para a distribuidora. A vítima tenta argumentar, mas é repreendida por um outro militar do trio, que também usa enquanto segura uma lata de spray de pimenta.

Irritado com a violência, o homem abordado chuta uma garrafa de cerveja para a pista e provoca ainda mais ira dos PMs. Um policial chuta, agarra pelo braço e joga o rapaz para o meio da via, com ajuda dos outros dois da corporação.

Nessa hora, a vítima tenta sair, mas um militar derruba ele próximo à garrafa e outro dá um chute. Caído, o homem negro pega a garrafa e é novamente empurrado para perto da distribuidora.

Nos vídeos, nenhum dos outros suspeitos recebe a mesma violência. As imagens mostram ainda os Policiais Militares indo embora depois de todas as agressões, o que indica que não houve crime cometido pelo rapaz.

 

Com informações do 93 Notícias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS