Um em cada cinco produtores piauienses é mulher

Censo Agropecuário

Foto: DivulgaçãoMulheres no campo
Mulheres no campo

Os homens ainda são os maiores produtores no campo piauiense (77,79%), mas o destaque é o crescimento da participação feminina no  campo. De acordo com o Censo Agropecuário 2017, divulgado nesta segunda, 28, pelo IBGE o número de mulheres produtoras no Piauí cresceu 66%. Pode-se dizer que um em cada cinco produtores piauienses é mulher.

A pesquisa também revela um "envelhecimento" da vida no campo: 65% dos produtores possuem mais de 45 anos. Detalhe: os que não sabem ler e escrever representam 42% do total de produtores.

Um dado chama a atenção: a presença de cerca de 34 mil menores de 14 anos trabalhando no campo piauiense. Considerando que 77,36% da população do campo vive da agricultura familiar, a expectativa não é de breve redução de menores também "trabalhando" no campo.

O Estado do Piauí apresentou desconcentração dos estabelecimentos agropecuários, saindo da 5ª colocação dentre os mais concentrados do Brasil para a 8ª colocação (índice de GINI). Mesmo com uma melhoria na desconcentração dos estabelecimentos, em 2017  no Piauí cerca de 6% dos estabelecimentos agropecuários detinham aproximadamente 70% da área total e aumentou em 30% o número de pessoas com o título definitivo de propriedade dos estabelecimentos agropecuários;

Nacionalmente, o destaque vai para o aumento em quase 50% na mecanização no campo e, em 143%, na intermediação da mão de obra.



Retrato da agricultura familiar no Piauí, segundo o Censo Agropecuário 2017:

* A agricultura familiar era responsável por cerca de 77% do pessoal ocupado nos estabelecimentos agropecuários;

* A agricultura familiar tinha 81% dos estabelecimentos com produção vegetal, mas só detinha cerca de 12% do valor da produção;

* A agricultura familiar tinha 81% dos estabelecimentos com produção animal, mas só detinha cerca de 49% do valor da produção;

* Em termos de produção vegetal, a agricultura familiar tem destaque no feijão, onde foi responsável  por cerca de 64% da quantidade produzida;

* Em termos de produção de galinhas, a agricultura familiar tem cerca de 81% dos estabelecimentos agropecuários, mas foi  responsável  apenas por aproximadamente 15% do valor total da produção;

* Em termos de produção de caprinos, a agricultura familiar tem cerca de 82% dos estabelecimentos agropecuários e foi responsável  por aproximadamente 74% do valor total da produção;