Simone Tebet declara apoio a Lula e diz que 'não cabe omissão'

A declaração aconteceu a poucos instantes

Foto: Montagem pensarpiauíSimone Tebet e Lula
Simone Tebet e Lula

A senadora Simone Tebet (MDB) declarou hoje, através de pronunciamento nas redes sociais, apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno após a executiva nacional do MDB anunciar mais cedo que adotará posição de neutralidade na disputa entre o petista e o presidente Jair Bolsonaro (PL). "Apesar das críticas que fiz, depositarei nele o meu voto. Seu compromisso é com a democracia e Constituição, e desconheço o atual presidente", afirmou. No evento, está o vice da chapa de Lula, o ex-governador Geraldo Alckmin (PSB). "Não anularei meu voto, não votarei em branco, não cabe omissão", reforçou.

"Critiquei os dois candidatos e continuo a reiterar as minhas críticas, mas pelo amor que tenho ao Brasil e à Constituição peço desculpas aos meus amigos e companheiros que imploraram pela neutralidade", falou. Segundo a senadora, seu voto está de acordo com sua "consciência e razão".

Veja o pronunciamento na íntegra:


Segundo assessoria, Lula não participou da agenda porque já tinha compromisso marcado com apoio de governadores e senadores para o mesmo horário e a senadora queria fazer um pronunciamento próprio.

Durante a manhã, Tebet se reuniu com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSB), candidato a vice na chapa encabeçada por Lula e, depois desse encontro, almoçou com o ex-presidente na casa da ex-prefeita Marta Suplicy.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS