Piauí: Mais de nove mil segurados já realizaram a Prova de Vida Digital

O procedimento é obrigatório e está sendo realizado de forma totalmente digital

Foto: ReproduçãoApp Meu RPPS
App Meu RPPS

O Programa Prova de Vida 2021 do Governo do Estado já realizou mais de nove mil cadastros de servidores inativos, militares da reserva e pensionistas. A prova de vida é obrigatória e está sendo realizada de forma totalmente digital. O programa foi lançado no início deste mês de julho e está sendo coordenado pela Fundação Piauí Previdência (PiauíPrev), que administra o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) do estado.

Para realizar a prova de vida e continuar com seus benefícios a que tem direito, o segurado deve baixar o aplicativo “Meu RPPS” na loja de aplicativos de seu celular ou tablet e realizar o cadastro indicado, seguindo todas as etapas e orientações do app. Todos os ex-servidores, civis e militares, que não estão na ativa e os pensionistas devem fazer a prova de vida.

Foto: SeadPrevProva de Vida Digital
Prova de Vida Digital

“Assim como acontece com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em todo o Brasil, no Piauí, a prova de vida é um procedimento anual e obrigatório. É por meio dele que o Governo do Estado sabe se o inativo ou pensionista está vivo, já que estes beneficiários, por não estarem em atividade, não possuem contato rotineiro com a nossa Secretaria, órgão responsável pela gestão dos servidores ativos”, afirma a Secretária Estadual de Administração e Previdência, Ariane Benigno.

O presidente da PiauíPrev, Ricardo Pontes, destaca a facilidade de acesso à prova de vida para os servidores públicos inativos do Estado, que não vão precisar sair de casa para provar que estão vivos. “A prova de vida de 2021 é exclusivamente digital e remota, os segurados não precisam se deslocar até um órgão público ou banco para realizar o procedimento. Tudo é feito pelo seu celular, em qualquer local que ele esteja”, acrescentando ainda “ser indispensável para continuarem recebendo seus benefícios”.

Caso o usuário não consiga fazer a prova de vida pelo aplicativo, deve entrar em contato com a PiauíPrev pelo número do WhatsApp (86) 99498-8195 ou enviar um e-mail para [email protected]. É importante lembrar que a realização do cadastro deve respeitar um cronograma determinado pela data de nascimento do servidor inativo, determinado pela PiauiPrev. Este calendário vai até setembro/21.